#070

O que compreendem as Relações Públicas no Brasil?

No mundo todo, ‘public relations’ (PR) constituem ‘press relations’ ou ‘media relations’.

No Brasil, os estatutos acadêmico e legal da atividade de RP – estabelecidos em 1967 como currículo de bacharelado e norma legal (Lei 5.377) – ampliaram em muito o seu escopo de saber e de fazer, até porque nas relações com a imprensa prevaleceu o compadrio de ex-jornalistas de redação colocados, em claro desvio de função, nos postos-chave da comunicação de empresas estatais e privadas, além de órgãos do terceiro setor, como assessores ‘de imprensa’.

Trata-se, este brasileiríssimo fenômeno, de genuíno jabuticabal – o qual até hoje viceja apesar do evidente conflito de interesses e do tráfico de influência entre ‘coleguinhas’ (termo que os próprios jornalistas usam para designar sua turma), em flagrante de ilícito ‘insider trading’.

​Na Universidade de São Paulo, a pioneira ‘habilitação em RP’ já propunha um currículo holístico voltado à comunicação no âmbito das organizações, com ênfase em disciplinas como Teoria e Pesquisa de Opinião Pública, Planejamento e Produção de Eventos, Mercadologia, Planejamento de Comunicação, Cerimonial e Protocolo, Comunicação Interna e Comunicação Comparada, entre outras. O resto é história… e as estórias de disputa por espaço no mercado de trabalho.

Manoel Marcondes Machado Neto, relações-públicas (desde 1981) e professor (desde 1985).

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s